03 abril 2015

PASSEANDO POR SÃO PAULO

Eu contei lá na página no Facebook que minha última quarta-feira foi bem cheia. Eu acordei tão cedo que o post e o vídeo falando sobre meu aniversário surpresa foi ao ar ainda era de madrugada. 
Depois eu me arrumei, e após de um transito horrível cheguei na capital, eis um dos motivos que adoro morar no interior. 
Primeiro de tudo fui a uma formatura militar dessas que arrepia de ver, sabe? Tudo muito certo, ensaiado, regrado, etc. 


Sabe o que eu vejo nessa foto aí em cima? Sonhos realizados! Anos estudando, provas teóricas e práticas para ser selecionado, se dedicar totalmente a escola militar e finalmente estar aí cantando o hino da vitória. 
Foi suado, difícil, pesado e depois de tanto sofrimento fico imaginando o que se passa na cabeça de cada um deles, as dificuldades que tiveram que enfrentar, suas lutas e agora o sonho realizado.
O lugar era muito bonito, rústico, não sei se por escolha, o prédio é muito antigo, deve-se ter muitas histórias incríveis, adoro esse tipo de lugar pela decoração em si e por saber quantas coisas já podem ter acontecido ali. 


O look era um desafio, social fino para o dia, um dia muito quente diga-se de passagem. O salto não podia faltar, óbvio, então escolhi uma cor que inspirasse leveza e conforto e essa sandália branca com a fivela prata, mesmo não tendo nada que a prenda no tornozelo, é muito confortável e fácil de andar, embora os buracos e árvores da calçada me fizeram sofrer nesse quesito, mas pudera né. 

O vestido acompanhou certinho o que eu procurava, bonito, cor clara e leve e ainda por cima esvoaçante do jeito que uma manhã ensolarada como essa pedia. 


A maquiagem foi bem simples e básica, não da pra caprichar em um super olho e bocão as dez e meia da manhã né, ainda mais para um evento militar. 


Quando acabou a formatura pudemos andar um pouco pelo lugar e havia um café a disposição, como bolachas e bolos (huuum...) e também aproveitamos para tirar algumas outras fotos, eu estava acompanhada do Vinícius, lógico, e fomos conhecer uma sala cheia de armas que para mim pareceu meio apavorante. 



Depois fomos almoçar no shopping D, onde eu aproveitei para descer do salto e trocar de roupa, ficar a vontade para poder passear e também deixar a dieta de lado de novo e me esbaldar no mundo do fast-food. 



Não achando isso o suficiente eu ainda roubei altas garfadas do prato de massas que o Vinícius pegou no restaurante Spoleto. 
Passeamos em algumas lojas do shopping e eu fiquei babando na coleção de outono inverno, eu me perco no mundo das botas nessa época do ano. E logo depois, antes de ir embora, não contente com o estrago, mas muito contente com as comilanças, ainda quis um delicioso sorvete do Mcdonald's.



Depois disso eu reservei algumas horas para o trabalho e visitei alguns fornecedores da Lojinha da Mi e consegui mais alguns contatos para a expansão da loja. 
Já era bem tarde, mas se caipira for em São Paulo e não visitar a 25 de Março não significa que foi a São Paulo, então demos uma passada rápida por lá e fizemos uma aquisição muito importante para nossas vidas, compramos um pau de selfie hahaha


Bora pra casa e enfrentar mais algumas horas de transito, mas essas eu nem vi porque apaguei e quando acordei já tínhamos chego, eu mal abri os olhos para sair do carro e já cai na cama de novo.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.