26 julho 2015

PERMITA-SE LEMBRAR, MAS VIVA INTENSAMENTE

Cada momento da vida é uma fase diferente, às vezes a gente fica tanto tempo suspirando de saudade de um tempo que já passou que nos esquecemos de viver o presente e isso se torna um ciclo vicioso, daqui a pouco estamos suspirando pensando no tempo em que estamos exatamente deixando de viver para suspirar.

Vocês não vão acreditar, mas juro que toda essa inspiração aí em cima surgiu assistindo Malhação, depois que eu parei de trabalhar em horário convencional sexta foi o primeiro dia que eu tive tempo pra relaxar nesse horário, sentar e ligar a TV pra passar qualquer coisa e estava passando a temporada atual de Malhação.

Quando eu comecei assistir pensei quanta coisa boba, e passei a recordar as temporadas passadas quando eu deixava de fazer qualquer coisa para assistir, quando Malhação começou a me chamar a atenção estava nas temporadas finais do inesquecível Cabeção, a lembrança que eu tenho é dele com o Rafa e o Astromóvel.

A última temporada que ainda me chamava um pouco de atenção, mas já não despertava tanto interesse, foi quando a Jú e a Lia tocavam o terror e a Fatinha desfilava piriguetiando pra lá e pra cá, fala sério, eu nem tô tão velha assim vai.

Acho que minha temporada preferida, no auge da minha adolescência, foi quando a Vagabanda estourava os tímpanos das pessoas, eles até que cantavam bonitinho, mas eles eram o lado negro da coisa, até o Gustavo se apaixonar pela Letícia e todos viverem felizes para sempre haha ok agora eu concordo que pareci bem velha.


O que sei é que eu gostei de ser convidada para viajar pelo túnel do tempo dos meus pensamentos por um simples episódio de novelinha e depois me dar conta que devemos parar de suspirar, pra na verdade respirar fundo e seguir em frente, sonhar, mas focar nas realizações, fazer grandes objetivos, mas sem esquecer-se de pensar no passo a passo, não há problemas em fuçar nossas memórias, nem de sonhar com o futuro, mas não esquecer que todos são capazes de realizar e viver o próprio presente de forma muito envolvente. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.