05 setembro 2015

ANGÚSTIA

Tem dias que simplesmente não estamos bem, nem se sabe exatamente o porquê, mas tem uma coisa esmagando o seu coração que da um nó na garganta, um aperto nos olhos, as vezes até mesmo uma sensação febril. 

O mais irritante é não saber ao certo o que nos deixou assim, aí qualquer bobeira virá tempestade, derrubar algo, esbarrar, digitar e o corretor ficar escrevendo palavras que você não quer, uma música, uma fala, algo fora do lugar, qualquer boberinha faz o mundo parecer insuportável. 

Gosto de ir voltando no tempo quando estou assim, tentar me lembrar quando eu não estava assim e de repente meus sentimentos começaram a mudar, ajuda pelo menos a não descontar em qualquer coisa que não mereça.

Olhar no espelho e prometer recomeçar o dia também é uma boa, mas tem que ser verdadeiro, não vale mentir pra você mesmo, zerar seus sentimentos, respirar fundo e recomeçar.

Escrever também ajuda, colocar o sentimento pra fora do jeito que você quiser sem ser julgado por suas palavas, o papel está em branco pronto para te acolher sem pré-conceitos. 

Agora se nada resolver, hora de se afundar na panela de brigadeiro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.